Acontecimentos

Inmet destaca período seco a partir da próxima semana em quase todo o Centro-Sul do Brasil

Francisco de Assis Diniz – Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet

Entrevista com Francisco de Assis Diniz – Chefe do Centro de Análise e Previsão do Tempo do Inmet sobre a Previsão do Tempo

Apesar da previsão do tempo indicar condição de chuvas para boa parte do país nos próximos dias, Francisco de Assis Diniz – meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet) destaca que para a próxima semana a tendência é de corte nos volumes de chuvas em quase todo o Centro-Sul do Brasil. “Nessa época do ano era para ter chuvas mais significativas”, afirma Francisco reforçando a alta irregularidade observada em todo o país em 2020. 

Falando em volumes, para as próximas 24 horas, o modelo Cosmo do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), o Rio Grande do Sul pode receber chuvas entre 20 e 30 mm de precipitação. A tendência é que as áreas de instabilidade avancem também para as demais áreas do país. As pancadas de chuvas são esperadas também no oeste e centro-sul do Mato Grosso do Sul e também entre o norte do Espírito Santo e sul da Bahia. O modelo cosmo indica de chuvas entre 20 e 30 mm durante a segunda-feira (16).

O modelo mostra ainda condição de chuvas mais expressivas para o norte do Mato Grosso. Toda área deve receber chuvas de até 30 mm nas próximas 24 horas. As demais áreas do estado, assim como Goiás também apresentam chances de chuvas, porém com volumes mais baixos. 

A chuva também retorna para área do Matopiba, com destaque para o Tocantins que deve receber os maiores volumes. O Cosmo sinaliza para chuvas de 60 mm em algumas áreas do estado. O Sul do Maranhão, sul do Piuaí e oeste da Bahia também apresentam chances de chuvas, porém com volumes mais baixos. 

Os modelos mostram que na quarta-feira (18) a tendência já é de diminuição dos volumes para o Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná e áreas do Mato Grosso do Sul, enquanto as chuvas devem aumentar de maneira bastante expressiva no Centro-Norte do Brasil. 

Na quinta-feira (19), além da região sul, a parte central do Brasil também passa a ficar sem chuvas. “Desde a parte sul do Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, São Paulo e toda a parte sul do Brasil”, comenta. Francisco destaca ainda que o período sem chuvas deve ser de pelo menos sete dias para o sul do Brasil e de pelo menos cinco dias no Centro-Oeste e Sudeste brasileiro. 

Veia o mapa de previsão de precipitação para as próximas 93 horas: 

Por:

 Virgínia Alves

Fonte:

 Notícias Agrícolas

Mostrar mais

Tradição Gaúcha

o melhor da cultura Gaúcha do Rio Grande e também notícias do Brasil e do mundo sempre trazendo o melhor da notícia..

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: