Geral

Motorista que molhar pedestres pode levar multa de R$ 130

Em dias de chuva, o pedestre precisa redobrar os cuidados: além da água que cai do céu, há o risco de ser molhado também por motoristas que passam em alta velocidade em poças e acabam por atingir quem anda pela rua.

Segundo o Código de Transito Brasileiro (CTB), o ato configura infração média e pode render quatro pontos na carteira de habilitação, além de multa de R$ 130,16.

Na manhã desta sexta-feira (6), o repórter da TV Globo Artur Bernardi ficou encharcado após ser atingido pela água jogada por um ônibus, na quadra 708 Norte, em Brasília (veja vídeo acima). Ele fazia uma reportagem sobre um acidente no local quando foi surpreendido.

O artigo 171 do CTB afirma que é infração “usar o veículo para arremessar, sobre os pedestres ou veículos, água ou detritos”. Segundo o Departamento de Trânsito do DF (Detran-DF), no ano passado, 23 pessoas foram multadas pelo ato. Em 2018, foram 19 casos.

A aposentada Dilma Souza afirma que passou a esperar os ônibus atrás da parada para evitar o contratempo.

“Eles [os ônibus] passam com muita pressa, jogam água, alguns fazem até de pirraça. Eu mesma já tomei banho.”

Fonte G1

Mostrar mais

Artigos relacionados

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Botão Voltar ao topo
Fechar
Fechar
%d blogueiros gostam disto: